A movimentação de comércio exterior de São João da Barra, sede do porto do Açu, se apresenta frágil e com declínio acentuado. A tabela a seguir mostra os dados de exportação dos quadrimestres de 2018 e 2017.

Ano Exportação US$ Principal produto
2017 (janeiro a abril) 154.666.573 Tubos flexíveis
2018 (janeiro a abril)      8.794.585 Tubos flexíveis
    Janeiro      7.349.493
    Fevereiro      1.401.988
    Março       ———–
    Abril           43.104
Fonte: MDIC

Como podemos verificar, a queda da exportação no primeiro quadrimestre de 2018 atingiu 94,31% em relação ao mesmo período de 2017. Um outro indicador interessante é que não aparece movimentação de minério, carro chefe do porto.  Os principais produtos de exportação são os do grupo tubos flexíveis.

O porto do Açu começou a fase de operação na metade do segundo semestre de 2014 e, neste ano, o município exportou US$32,9 milhões. Em 2015 o valor exportado aumentou para US$314,2 milhões e em 2016 para US$715,3 milhões. Em 2017 o valor exportado caiu fortemente para US$491,7 milhões e a previsão para 2018 é de US$26,3 milhões, ou seja, valor menor 19,8% do valor exportado em 2014. Esses números são bem diferentes dos números divulgados para atrair investidores.

Alcimar das Chagas Ribeiro
About Alcimar das Chagas Ribeiro 447 Articles
Economista, Mestre e Doutor em Engenharia de Produção. Professor da Universidade Estadual do Norte Fluminense

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*