Emprego formal em novembro na região Norte Fluminense

O país perdeu 12,3 mil vagas de emprego formal em novembro, mas mantém um saldo positivo de 299,6 mil empregos gerados no ano. Já o estado do Rio de Janeiro experimentou uma melhora em novembro com a geração de 3,0 mil novos empregos, mas mantém um saldo negativo de 84,7 mil empregos eliminados no ano.

A região Norte Fluminense eliminou 291 vagas de emprego formal no mês e eliminou 11,4 mil vagas no acumulado do ano. Conforme tabela a seguir, Campos eliminou 171 vagas no mês e 2.537 vagas no ano, enquanto Macaé eliminou 101 vagas no mês e 8.467 vagas no ano.

Emprego formal em novembro de 2017 nos municípios da região Norte Fluminense  
Município Admissão Desligamento saldo mês Acumulado
Campos dos Goytacazes 1.490 1.661 -171 -2.537
Carapebus 18 15 3 -6
Cardoso Moreira 12 13 -1 -11
Conceição de Macabu 23 30 -7 -55
Macaé 2.574 2.675 -101 -8.467
Quissamã 17 23 -6 -81
São Fidélis 71 48 23 -168
São Francisco de Itabapoana 39 35 4 -362
São João da Barra 128 163 -35 240
Fonte: MTE

O setor de construção civil em Macaé eliminou 5.060 vagas, seguido pelo setor de serviços com eliminação de 2.128 vagas e a extrativa mineral com eliminação de 881 vagas. Em Campos dos Goytacazes, o setor de construção civil eliminou 1.243 vagas e o comércio eliminou 508 vagas. Saldo positivo ocorreu somente em São João da Barra com a criação de 240 vagas no acumulado do ano. O setor de serviços liderou com a criação de 425 vagas e o setor de indústria de transformação criou 172 vagas. A construção civil eliminou 306 vagas e o comércio eliminou 36 vagas no ano.

Alcimar das Chagas Ribeiro
About Alcimar das Chagas Ribeiro 361 Articles
Economista, Mestre e Doutor em Engenharia de Produção. Professor da Universidade Estadual do Norte Fluminense

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*