O emprego na região Norte Fluminense em março

Emprego formal desacelera em Campos e Macaé em março e recua 28,3% no volume em relação a fevereiro. Foram criadas 1.338 novas vagas no mês, sendo 861 vagas em Macaé, 406 vagas em são João da Barra em 122 vagas em Campos dos Goytacazes, segundo tabela a seguir.

Já no acumulado do primeiro trimestre do ano, foram criadas 3.374 vagas de emprego formal. Macaé liderou com 1.720 vagas criadas, seguido por São João da Barra com 1.005 vagas e Campos dos Goytacazes com 648 vagas criadas.

Setorialmente, observa-se que a construção civil liberou a geração de emprego no acumulado na região com 3.100 vagas criadas, ou 91,9% do total. Destas, 65% forma criadas por Macaé, 28,4% foram ciadas por São João da Barra e 6,5% foram criadas por São João da Barra.

O setor de serviço vem a seguir com a geração de 1.710 vagas, ou 50,7% do total. Destas, Macaé foi responsável por 66,2% do total, Campos foi responsável por 25,1% do total e São João da Barra foi responsável por 8,6% do total. A industria de transformação eliminou 1.055 vagas e o comércio eliminou 408 vagas no acumulado do ano.

Como podemos observar a região é muito dependente do emprego de natureza sazonal no setor de construção civil, enquanto a industria de transformação e o comercio apresentam resultados negativos.

Alcimar das Chagas Ribeiro
About Alcimar das Chagas Ribeiro 834 Articles
Economista, mestrado e doutorado em Engenharia de Produção e Pós-doutorado em Economia. Professor da Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro - UENF

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*