Produtividade leiteira na região Norte Fluminense em 2017

A produtividade leiteira na região Norte Fluminense, medida pela produção em litros por vaca / ano, atingiu 928,0 litros em 2017, volume maior 16,99% em relação a produtividade de 2010. Apesar da evolução, ficou abaixo da produtividade do estado do Rio de janeiro de 1.139,88 litros em 2017. A região tem uma produtividade menor 18,59% em relação a produtividade do estado. São Francisco de Itabapoana com o maior estoque de vacas ordenhadas em 2017, ou seja, 27.186 cabeças, empurrou a produtividade da região para baixo.

Na figura acima, pode-se observar que o município de Conceição de Macabu lidera a produtividade regional. Em 2017 registrou 2.200,99 litros por vaca, produtividade 1,93 vezes a produtividade do estado. Carapebus e Macaé vem a seguir com 1.656,27 e 1.422,40 litros/vaca em 2017.

Campos dos Goytacazes, com o segundo estoque de vacas ordenhadas na região, ou seja, 23.959 cabeças, registrou uma produtividade de 1.080,01 litros/vaca em 2017, volume menor 5,25% em relação a produtividade do estado e sétimo lugar na região Norte Fluminense, ficando acima somente dos municípios de São Francisco de Itabapoana e São João da Barra.

A situação de São Francisco de Itabapoana é atípica, porque teve problemas nos anos de 2016 e 2017, perdendo parcelas substanciais da produção leiteira, por conta se problemas hídricos.

Alcimar das Chagas Ribeiro
About Alcimar das Chagas Ribeiro 487 Articles
Economista, Mestre e Doutor em Engenharia de Produção. Professor da Universidade Estadual do Norte Fluminense

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*